DIREITO MÉDICO E DA SAÚDE


  • De forma preventiva, com gerenciamento de risco, elaborando e revisando documentos médicos/odontológico-legal, elaboração e revisão de contratos de prestação de serviço.
  • Intermediação de acordos, produção de pareceres, orientação a médicos, dentistas, enfermeiros e demais profissionais da saúde, análise da rotina clínica para levantamento de contingência, tudo com o objetivo de evitar demandas éticas e judiciais contra o profissional ou clínica.
  • Defesa médica em processos ético-disciplinares, sindicâncias perante os Conselhos de Classes e Agências Reguladoras, processos administrativos e nas demais esferas jurídicas.
  • Ações decorrentes de erro médico.
  • Ações de pedidos de medicamentos de alto custo.
  • Ações contra operadores de plano de saúde, exigindo autorização e cobertura de procedimentos, internações e materiais.